(Superliga) Cimed/Sky e Vivo/Minas lutam no Capoeirão por vaga na semi

Nesta sexta-feira, às 21h, Cimed/Sky e Vivo/Minas entram em quadra para o ‘tudo o nada’ da serie quartas de final da Superliga 2011/2012. O duelo, que ocorre no ginásio Capoeirão, tem tudo para ser um dos mais disputados desta fase, como foram os dois jogos anteriores, que tiveram vitória dos donos da casa. Quem vencer vai enfrentar o ganhador de Sada/Cruzeiro e BMG/São Bernardo. 

Na Cimed/Sky, a vantagem de jogar em Florianópolis é apontada como o único fato de favoritismo da equipe. O técnico Douglas Chiarotti sabe que o torcedor vai pressionar o adversário, mas que isso só surtirá efeito, se o seu time corresponder em quadra. Com o levantador Bruninho em grande fase e com Gustavo voltando a ser uma referencia no meio, a confiança é grande no clube. 

“É claro que jogar em casa ajuda. Seria muito mais complicado enfrentar eles em Belo Horizonte. Mas num confronto com o nível técnico como este, a torcida ajuda, mas não faz a diferença. O que vai definir será o time que tiver mais força no grupo (...) Estamos treinando e nos preparando para uma partida decidida em cinco sets de novo. Os dois times vão encarar este duelo como uma final, com muita seriedade e dedicação”, declarou Gustavo. 

“Não fomos bem na defesa, no saque e no bloqueio em Belo Horizonte. Precisamos melhorar nosso sistema defensivo. Eles fizeram o que sabíamos o que eles iriam fazer, mas não trabalhamos para mudar isso. Mas temos potencial e condições para vencer na nossa casa. Temos de ter mais coração e mais atitude. Acredito que esse grupo pode chegar lá”, afirmou o treinador da Cimed/Sky. 

No Vivo/Minas, que vem embalado pela vitória emocionante em casa, o técnico Marcelo Fronckowiak quer aproveitar o moral alto para conquistar a classificação mesmo na casa do adversário. O central Henrique, que sofreu fortes câimbras na partida anterior, está 100%, enquanto o ponteiro Lucarelli e o tcheco Filip prometem ser a referencias ofensivas da equipe no Capoeirão. 

“É uma decisão pelo nível dos dois times e pelo momento da competição. Queremos essa vaga na semifinal e precisamos vencer. Vamos ter o ginásio contra a gente, um grande time do outro lado, e precisamos ter concentração, tranquilidade para decidir. Não podemos errar, não podemos dar pontos de graça, temos que sacar bem e ter o passe na mão para o nosso ataque render bem”, ressaltou o levantador Marcelinho. 

“Nas duas últimas partidas contra Cimed/Sky, conseguimos manter o mesmo nível de oposição, refletindo toda a nossa atuação na Superliga. Eles são uma equipe de muita qualidade e sabemos que alguns detalhes de regularidade ao longo das partidas têm que ser ajustados. Mas a responsabilidade é muito maior para a Cimed/Sky (...) Vamos para Florianópolis para mostrar um voleibol de excelente nível, assim como fizemos em toda a competição. Claro que temos uma parcela de responsabilidade na partida, mas a pressão maior é para eles. Espero que tenhamos um bom jogo e uma boa apresentação”, falou o técnico Marcelo Fronckowiak. 

Equipes: 

Cimed/Sky: Bruninho, Rivaldo, João Paulo Tavares, Renato, Éder, Gustavo e Thales (líbero)
Técnico: Douglas Chiarotti

Vivo/Minas: Marcelinho, Filip, Lucarelli, Manius, Orestes, Henrique e Polaco (líbero)
Técnico: Marcelo Fronckowiak

foto: Hermínio Nunes/VIPCOMM

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações

CBV divulga tabela oficial da Superliga B com estreia no dia 24 de janeiro