STJD julga caso de racismo sobre Wallace e multa Minas em R$ 50 mil

Nesta quarta-feira, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou o caso de racismo envolvendo o oposto Wallace, do Sada/Cruzeiro. O jogador, em partida válida pelo returno da Superliga 2011/2012, no dia 29 de fevereiro, ouviu gritos de ‘macaco’ vindos da arquibancada da Arena, em Belo Horizonte. 

A entidade avaliou o caso e o Vivo/Minas acabou multado em R$ 50 mil. Entretanto, o STJD encaminhará os autos do processo ao Ministério Público de Minas Gerais para as devidas providências na Justiça Comum. Wallace afirmou que perdeu totalmente o foco na partida após os insultos e que a agressão verbal mexeu muito com o seu emocional. 

O Sada/Cruzeiro recebe no próximo sábado, às 12h, o BMG/São Bernardo, pelas quartas de final. Já o Vivo/Minas encara a Cimed/Sky, na sexta-feira, às 21h, no ginásio do Capoeirão. 

foto: Washington Alves/VIPCOMM

Comentários