(Superliga) Em jogo equilibrado, RJX vence São Bernardo no tie-break

O RJX precisou de 2h05min para vencer o BMG/São Bernardo por 3 sets a 2, parciais de 20/25, 25/20, 25/19, 20/25 e 15/7, no ginásio do Maracanãzinho, pela 7ª rodada do returno da Superliga 2011/2012. O clube carioca, com o resultado, chegou aos 29 pontos e manteve a sexta posição, enquanto os paulistas foram para 26 pontos e seguem em sétimo lugar, podendo cair na tabela ao final da rodada.

No primeiro set, a equipe paulista liderou durante todo o tempo e venceu por 25 a 20. A segunda parcial foi favorável aos donos da casa, que comandaram o placar e venceram por 25 a 20. O terceiro set foi um pouco mais tranquilo para o RJX, que fechou em 25 a 19. No quarto set, o jogo se manteve equilibrado durante quase toda a parcial e, no final, melhor par o BMG/São Bernardo, que venceu por 25 a 20. O set desempate foi todo favorável ao time da casa, que fechou em 15 a 7.

“O Rubinho é um estrategista e sabíamos que esse seria um jogo difícil. Ele consegue organizar bem o time dele e ler bem o adversário. O BMG/São Bernardo está indo muito bem, contando com centrais rápidos (Luizinho e Isac) e um oposto (Renan) muito grande. Um grande mérito do Rubinho é conseguir utilizar bem as qualidades individuais dos jogadores e transformá-las em um bom coletivo”, disse o oposto Theo, eleito o melhor da partida.

“Tivemos momentos de altos e baixos e perdemos um ponto, que tomara que não faça falta lá na frente. Mas, de um modo geral, foi uma vitória importante, que nos dá uma motivação ainda maior para seguir nessa longa estrada que ainda temos pela frente”, destacou o ponteiro Dante.

“Improvisamos uma situação com o Alemão, que é oposto, jogando na ponta, já que o Baiano, nosso outro ponteiro estava com dores. Isso foi positivo. Mas foi um jogo difícil, contra uma equipe que tem um ataque alto e um bloqueio muito bom, mas jogado até o fim. Garantimos um ponto, que, nesse sistema, pode ser considerado a melhor derrota”, ressaltou o técnico Rubinho.

Equipes:

RJX: Marlon, Theo, Riad, Lucão, Dante, Lipe e Carlos (líbero)
Técnico: Marcos Miranda

BMG/São Bernardo: Paulo Renan, Luizinho, Isac, Ygor, Renan, Mineiro e Felipe (líbero)
Técnico: Rubinho

foto: RJX/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações