(Superliga) Em duelo direto, Volta Redonda encara a Medley/Campinas

Neste sábado, às 19h, Volta Redonda e Medley/Campinas fazem um duelo direto por vaga nos playoffs. Com 25 pontos e ocupando a oitava posição, os paulistas esperam barrar o bom momento dos cariocas, que estão em nono lugar, com 17 pontos, e jogam em casa, no ginásio Ilha São João.

Após o período de pausa para o Carnaval, os Gigantes do Aço se reapresentaram na última terça-feira para um treino em dois períodos. O técnico Sergio Negrão pediu atenção a todos os jogadores para a importância do duelo de sábado. Além disso, o saque o bloqueio, segundo o comandante, podem ser o diferencial na partida.

“Teoricamente são jogos difíceis pela qualidade dos adversários, mas não existe facilidade na Superliga. Portanto é ir a luta, acreditar e tentar dar este presente para a nossa torcida”, disse o treinador, que falou sobre a sequência de jogos nesta fase de classificação.

“Estamos a oito pontos de alcançar o Medley/Campinas ou o BMG/São Bernardo, que somam 25 contra 17 do Volta Redonda. Difícil é, mas nada impossível”, lembrou o gerente de vôlei Luiz Eduardo Pontes.

Na Medley/Campinas, o espírito é de vencer o duelo contra os cariocas para não dar chance ao azar. Além disso, o time do técnico Cacá Bizzocchi vem de importante vitória sobre o Sesi-SP e continuar o embalo nestas últimas rodadas é o objetivo de todos na equipe paulista.

“Será um jogo-chave, porque uma vitória nos mantêm firmes na zona de classificação e nos deixa bem próximos de garantir vaga nas quartas de final. Por outro lado, também será a última chance do Volta Redonda, que precisa vencer para continuar com chance de avançar, o que torna a partida mais difícil”, disse o ponteiro André Lukianetz.

“Nossa matemática é vencer as cinco partidas que faltam e esquecer os adversários que também estão jogando. Estamos dentro da zona de classificação e, se fizermos a nossa parte até o fim, vamos cumprir o nosso objetivo (...) O Volta Redonda tem bom volume de jogo, com bom passe e defesa, e cresce bastante em casa. Precisamos ficar atentos à marcação, principalmente em cima do Jamelão (oposto), que tem qualidade e está com ótimo aproveitamento”, explicou Cacá Bizzocchi.

Equipes:

Volta Redonda: Everaldo, Jamelão, Ezinho e Fábio, Giovanni, Aureliano e Daniel (líbero)
Técnico: Sergio Negrão 

Medley/Campinas: Rodriguinho, Mão, Andre Lukianetz, Bruno Zanuto, Andre Heller, Gustavão e Lukinha (líbero)
Técnico: Cacá Bizzocchi

foto: Thiago Navas/ VIPCOMM

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações

CBV divulga tabela oficial da Superliga B com estreia no dia 24 de janeiro

(Paulista) Sesi-SP estreia contra a Climed/Atibaia nesta quarta-feira