(Pan-Americano) Brasil ganha dos EUA e se classifica para as semifinais

A Seleção Brasileira confirmou seu favoritismo no Grupo B dos Jogos Pan-Americanos ao vencer os Estados Unidos por 3 sets a 1, parciais de 18/25, 25/17, 25/14 e 25/18. Os comandados de Rubinho deram um susto no torcedor ao perderem o primeiro set, mas depois de 1h11min de jogo, o time já comemorava a ida direta para as semifinais em Guadalajara.

O destaque da partida foi o oposto Wallace Martins, que mesmo entrando no decorrer do confronto, foi o maior pontuador, com 19 acertos. O ponteiro Luis Felipe Chupita, que foi o principal atleta nas vitórias sobre Canadá e Porto Rico, também teve boa atuação, com 15 pontos. Com as três vitórias e a liderança da chave, o Brasil ganha folga na rodada desta quinta-feira e volta a jogar só na próxima sexta-feira já brigando por uma vaga na decisão.

O primeiro ponto do jogo foi dos Estados Unidos, que, contando com erros da Seleção Brasileira, fizeram 4/1. Os americanos seguiram bem e, no primeiro tempo técnico, comandavam o placar por 8/5. Quando se viu em desvantagem em 14/9, o técnico Rubinho pediu tempo. Com bom ataque de Lipe, o Brasil diminuiu a vantagem americana para dois pontos (18/16). Um final de set tenso favoreceu a equipe dos Estados Unidos, que venceu por 25/18.

A equipe verde e amarela voltou mais focada para o segundo set e foi para o primeiro tempo técnico com boa vantagem no placar (8/4). O Brasil se manteve bem e, com boa atuação de Lipe, que pontuou no ataque, no bloqueio e no saque, aumentou a diferença para 16/9. A equipe comandada pelo técnico Rubinho seguiu imprimindo o ritmo do jogo e, com bloqueio de Gustavo, venceu o segundo set por 25/17.

O Brasil começou a terceira parcial com mudança na saída de rede, com Wallace Martins no lugar de Wallace Souza. Assim como no set anterior, o time verde e amarelo impôs seu jogo e não teve dificuldades para fazer 8/3. Uma bola de segunda de Bruno colocou o Brasil mais um ponto à frente. E o terceiro set seguiu no ritmo da Seleção Brasileira, que venceu por 25/14.

O quarto set também começou com mudanças e o jovem Maurício Souza ocupou o lugar do experiente Gustavo. Os brasileiros lideraram o marcador no início do set (8/5). Com Maurício Borges no lugar de Lipe, e Murilo Radke no de Bruno, a Seleção Brasileira mostrou que, mesmo com substituições, mantém o padrão de jogo. No final do set, 25/18 para o Brasil.

Além da Seleção Brasileira quem também se classificou para a semifinal como primeiro do Grupo A foi Cuba. Já os duelos de quartas de final serão entre Argentina x Estados Unidos; México x Porto Rico.

Equipes:

Brasil: Bruninho, Wallace Souza, Gustavo, Eder, Thiago Alves, Luis Felipe Chupita e Mário Júnior (líbero)
Técnico: Rubinho

Estados Unidos: Ciarelli, Patak, Vogel, Vance, Caldwell, Matthew e Francis Kirk (líbero)
Técnico: John Speraw 

foto: Luiz Pires/VIPCOMM

Comentários