(Liga Nacional) Soya/Blumenau faz 3 a 1 na UFJF e leva o título

Classificados para a Superliga 2011/2012, Soya/Blumenau (SC) e UFJF (MG) entraram na quadra do ginásio Recreio do Trabalhador, em Volta Redonda, para decidirem a Liga Nacional. Em uma partida onde os dois clubes jogavam soltos, valeu no final a maior experiência dos catarinenses, que venceram, de virada, por 3 sets a 1, parciais de 24/26, 25/14, 25/19 e 25/15.

O primeiro set pode ser definido como bem disputado, já que as duas equipes entraram forte desde o início, principalmente devido as boas atuações dos levantadores China e Daniel Brasília. O oposto Caio, pela equipe catarinense, e o ponteiro Guilherme, pelos mineiros, eram bastante acionados. Entretanto foi o bloqueio, o fundamento que mais chamou a atenção e que definiu o set a favor da UFJF por 26 a 24.

No segundo set, o Soya/Blumenau correu atrás do prejuízo e a partir do oitavo ponto não deu chances para o adversário. O treinador Mauricio Bara, da equipe mineira, reclamou que o time jogava preso e por isso errava muito. Os ponteiros Juarez e Guilherme de bons desempenhos no primeiro set, estava bem marcados pelos catarinenses, que fez 25 a 14.

Com algumas mudanças em quadra como a entrada de Marcos no lugar de Thiagão, o treinador Andre Donegá viu seu time crescer em quadra. O terceiro set foi equilibrado, mas com os catarinenses sempre na frente do placar. O ponteiro passador Carlão apareceu nas horas importantes, enquanto no UFJF, a falta de variações nas jogadas fez a equipe perder por 25 a 19.

O quarto set foi muito parecido com o que ocorreu no segundo e o Soya/Blumenau, com Carlão e Caio sendo destaques, fez um set quase perfeito. Com um bloqueio pesado, com o saque bem colocado e defendendo muito, a equipe de Andre Donegá chegou a colocar 19 a 10 no placar. A UFJF, com algumas mudanças em quadra, chegou a reagir, mas nada que fosse assustar os catarinenses, que fecharam em 25 a 15 e comemoraram o título da Liga Nacional 2011.

"Eu estou correndo atrás do meu espaço e espero que essa Superliga seja um grande campeonato para mim e para o grupo", afirmou Carlão.

"A gente superou uma expectativa absurda e garantimos a vaga. Agora o nosso marketing vai correr para buscar patrocínios e vamos torcer para os empresários apoiarem a gente", declarou Daniel Brasília.

Equipes:

Soya/Blumenau: Thiagão, China, Juliano, Ialisson, Carlão, Caio e Rafinha (líbero) 
Técnico: Andre Donegá

UFJF: Daniel Brasília, Guilherme, Pará, Humberto, Juarez, Filipe e Juliano (líbero)
Técnico: Mauricio Bara

foto: Alexandre Arruda/CBV/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Invicto no Espanhol, Palma Volley conta com bom momento do ponteiro Zóio