Com dinheiro para a base Santo André pensa no futuro

Depois de quase fechar suas portas, a equipe de vôlei de Santo André começa a colher frutos da mobilização popular e de pessoas que amam o esporte na região. Isso porque, além do clube ter ganhado R$ 520 mil da iniciativa privada, nesta semana a Secretaria de Esportes do Município confirmou que a modalidade terá um apoio financeiro de R$ 415 mil para as categorias de base. A intenção é resgatar a tradição de décadas do vôlei andreense e voltar ao topo do cenário nacional.

“Fomos contemplados no projeto do Governo Estadual onde as empresas podem doar 3% do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) a trabalhos voltados ao esporte. Apresentamos as necessidades do vôlei e recebemos 100% do valor que pedimos", disse o secretário de Cultura, Esporte e Lazer de Santo André, Edson Salvo Melo. 

Nos últimos dois meses profissionais da prefeitura de Santo André estão avaliando alunos das escolinhas espalhadas pela cidade e selecionando os que possuem mais condições de se tornar atletas. Além disso, os garotos terão a oportunidade de conhecerem e se espelharem na equipe adulta, que tem pela frente o Campeonato Paulista e a Superliga na temporada 2011/2012.

“Nos próximos dias vamos definir as comissões técnicas e os parâmetros desse projeto. O importante é poder resgatar a tradição do vôlei de Santo André e proporcionar aos andreenses a oportunidade de praticar a modalidade no município (...) Não queríamos acabar com a equipe adulta, pois sabemos o que significa o vôlei para Santo André, mas decidimos investir nas categorias de base para formar novas equipes. Agora, com o patrocínio da categoria adulta e a aprovação desse projeto voltado para a categoria de base, vamos reerguer a modalidade como um todo", prometeu o secretário.

“O projeto consiste na formação, ampliação e melhoria das escolinhas de vôlei do município com potencial de elevar o número de participantes entre crianças a partir dos 10 anos, jogadores das categorias mirim a juvenil. Ao todo,  cerca de 350 participantes serão beneficiados”, afirmou o prefeito Aidan Ravin, ao lembrar que os recursos destinam-se também à cobertura de custos com materiais esportivos e uniformes. 

foto: Norberto da Silva/PSA

Comentários

  1. mais esse projeto vai ser somente para os meninos eu sera para as meninas também?

    ResponderExcluir

Postar um comentário